Fandom

Wiki Turma da Mônica

O Corpo Fala

1 348 páginas
Nesta wiki
Adicione uma página
Discussão0 Compartilhar

Interferência de bloqueador de anúncios detectada!


A Wikia é um site grátis que ganha dinheiro com publicidade. Nós temos uma experiência modificada para leitores usando bloqueadores de anúncios

A Wikia não é acessível se você fez outras modificações. Remova o bloqueador de anúncios personalizado para que a página carregue como esperado.

O Corpo Fala
O Corpo Fala.png
Cartão-título do episódio
Dirigido por Mauricio de Sousa
Escrito por Marcelo Cassaro
José Márcio Nicolosi
Baseado em Mônica Nº 7 (Ed. Panini)
O Corpo Fala é o terceiro episódio de Cine Gibi 5.

História Editar

As orelhas quentes Editar

Turma da Mônica - O Corpo Fala07:10

Turma da Mônica - O Corpo Fala

Numa brincadeira de amarelinha, Mônica jogou a pedra muito forte que sentiu quentura. Magali fala quando ela jogou a pedra: "Errou! Minha vez!". E ela sente que a orelha direita está quente, e sua amiguinha fala que quando a orelha direita estiver queimando, significa que alguém está falando bem dela. Mônica sente que a esquerda está queimando, e Magali fala que a orelha esquerda quente significa que alguém está falando mal dela. Ela fica enfurecida quando Cebolinha estava com um pirulito na mão e um passarinho na outra. Magali comeu o pirulito e só sobrou o palito, deixando ele muito furioso, sendo o inocente. Mônica perguntou: "E como é que eu faço pra descobrir o linguarudo?". Magali responde enquanto compra pipoca: "Fácil! É só morder o dedo mindinho da sua mão esquerda! Assim, quem estiver falando mal vai morder a língua!". Mônica está sentindo o próprio Harry Potter e mordeu o seu dedo mindinho da mão esquerda. Na verdade, quem mordeu a língua foi a Carminha Frufru. Mônica fala que deu certo e Magali fala que Denise avisou que o corpo fala, e que o corpo avisa o que aconteceu e o que vai acontecer.

O formigamento no pé Editar

Quando Mônica pensou que não está sentindo nada, surge um formigamento no pé, e Magali que isso quer dizer que o tempo vai esfriar, mas ela diz que está um calor. Enquanto esperam, um vento surge com muitas folhas, e depois a chuva, deixando a Mônica espirrar e com coceira no nariz. E Magali fala que significa que o sol vai sair, fechando o guarda-chuva e colocando um óculos de sol. Ela fala que o corpo é muito mais do que isso e que é uma Terra cósmica que recebe sinais de todos os tipos. Mônica se sente uma antena parabólica no mundo.

O torcicolo Editar

Mônica sentiu torticolo e perguntou o que isso quer dizer. Magali responde: "Bom, praticamente, um patinho amarelo cheio de bolinhas verdes vai passar a subir numa montanha da Holanda e chupando um picolé de tamarindo!". Quando o patinho chegou, ela o acha bonitinho e come o picolé, deixando-o desaparecer.

A coceira nas mãos e o cabelo arrepiado Editar

Mônica ficou furiosa e sentiu uma coceira nas mãos, e pensa que significa que é alergia a sorvete de tamarindo, mas na verdade, significa que vai ganhar dinheiro. Um cofre cai em cima da Mônica enquanto Magali corria, e depois a mão direita dela está coçando enquanto ela está levantando o cofre e dizendo que coceira na mão direita significa que encontra com um desconhecido. Um ladrão pega o cofre dizendo: "Licencinha! Este cofre é meu! Afinal, fui eu que tirei do banco, sabe como era!". A polícia chega correndo atrás dele, fazendo girar a Mônica. O ladrão fala: "Nem morto!" e não vê o sinal de trânsito, sendo atropelado por um carro. Mônica sente o cabelo arrepiado, e Magali fala que significa que é morte de um conhecido. Assim, Dona Morte leva o ladrão fantasma, e a polícia passa com o cofre, girando a Mônica novamente.

Os últimos significados Editar

Mônica ficou cheia dos significados do corpo, mas Magali fala que sua barriga roncando significa que ela está com fome, deixando-a furiosa. Ela fala o significado do olho piscando, da boca torta, dentes rangendo que ela vai embora. No final, patinhos amarelos com bolinhas verdes caem do céu e dançam ao redor da Mônica.

Mais da comunidade Wikia

Wiki aleatória